Investimento de us $150 milhões em inovação para o agro

 

A nossa empresa de pesquisa e desenvolvimento de produtos biológicos para empresas do setor agropecuário investirá mais de 150 milhões de pesos para a ampliação e modernização de nossos laboratórios de I+D e planta formuladora, localizados em Rio Cuarto, Córdoba, Argentina.

 

"Este investimento ajudará a consolidar os planos de crescimento que vimos sustentando e conseguir, assim, atender à demanda atual de bioinsumos para aumentar 10 vezes a nossa capacidade de desenvolvimento nesta campanha. Isso nos permite fornecer aos nossos principais clientes agroindustriais, fortalecendo assim seus portfólios de produtos biotecnológicos", disse Sergio Bonansea, CEO da empresa.

Atualmente, os nossos laboratórios de I+D e planta formuladora abrangem uma área de 300 m2, e com este investimento passarão a um total de 700 m2. Nesta mesma linha, prevemos incorporar mais de 20 colaboradores a equipe nos próximos 2 anos.

O plano de investimento tem como objetivo principal desenvolver novos projetos de inovação para então fazer a sua transferência para empresas do setor agropecuário que os comercializados ao redor do mundo. Entre eles, cabe mencionar que recebemos recentemente de parte da Universidade Nacional de Córdoba e do Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária da licença exclusiva para o desenvolvimento e comercialização de um material para ser aplicado em amendoim como adesivo protetor.

"O crescimento da capacidade de desenvolvimento e formulação permite que nossa equipe de gerar maior competitividade em matéria de provisão de novas tecnologias microbianas, com maior velocidade e qualidade final", acrescentou Christopher Kilmurray, CSO da empresa.

No que diz respeito ao mercado, estamos expandindo nossos negócios na Argentina, Brasil e EUA; como um "parceiro estratégico" das empresas do setor agropecuário, as quais lhes o desenvolvimento e a formulação de soluções biológicas a medida.
"Nosso principal objetivo é desenvolver e transferir soluções biológicas para empresas do setor agropecuário. Nós Somos o elo entre a ciência e a agroindústria", enfatizou Kilmurray.

Parte do investimento para as ampliações foi outorgada pelo Ministério de Produção e de Ciência e Tecnologia da Nação dentro de um plano para "valorizar as iniciativas de competitividade das empresas com alto valor agregado e inovação".

Além disso, contamos com o apoio do Governo de Córdoba para desenvolver um programa de eficiência energética, em sintonia com um dos nossos pilares fundamentais e de nosso compromisso com a redução da pegada de carbono e a produção de alimentos seguros.
Nosso objetivo é posicionarmo-nos como uma indústria 4.0, ao oferecer soluções focadas na interconexão, a automação e os dados em tempo real. Nossa planta estará totalmente automatizada e possibilita o acompanhamento remoto dos processos de I+D, bem como de produção.

"As novas tecnologias nos permitem competir a nível internacional e abrirão a porta para novos mercados internacionais com produtos biotecnológicos aplicados à agricultura da Argentina. Em Ceres Demeter transformamos o conhecimento em soluções biotecnológicas de impacto global", concluiu Sergio Bonansea.

pt_BR